Concessionária retoma trabalho de retirada de trem do metrô que tombou em Salvador; duas estações seguem paradas.

385

- Publicidade -

A CCR Metrô Bahia, concessionária que administra o metrô de Salvadorretomou nesta quinta-feira (2) os trabalhos de retirada dos trens envolvidos no acidente na manhã da última terça-feira (31). As operações nas estações Pirajá e Bom Juá seguem interrompidas.

 

Quatro dos oito vagões já foram retirados e o quinto começou a ser desinclinado, para também ser removido. A empresa informou que a previsão para que o trabalho seja finalizado e as estações retomem as operações é até sábado (4).

Vouchers de R$ 5 e água mineral estão sendo distribuídos para clientes dos terminais Pirajá, Retiro e Bom Juá, que têm grande movimento de passageiros, desde que as outras duas foram temporariamente desativadas.

Acidente

 

O acidente aconteceu na manhã de terça quando dois trens descarrilaram e um deles bateu em caminhão de alinhamento – que é um vagão de serviço.

 

Dois trabalhadores e quatro passageiros ficaram feridos, e foram socorridos por equipes do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e do Corpo de Bombeiros. Três delas foram levadas para o Hospital Geral do Estado (HGE), uma para o Hospital Municipal de Salvador e as outras duas foram levadas para uma unidade particular. Todas já tiveram alta.

Metrô descarrila e tomba após bater em caminhão de serviço, em Salvador — Foto: Divulgação/Transalvador

Imagens gravadas no local mostraram que a parte da frente de um dos trens descarrilou, depois dessa batida. Por causa do descarrilamento, o trem ficou inclinado e atingiu a outra composição, que estava no trilho ao lado.

Em outros vídeos feitos dentro do trem, os passageiros apareceram sendo retirados dos vagões por trabalhadores uniformizados. Essas pessoas não aparentavam ferimentos e precisaram andar pelos trilhos do metrô.

G1 BA