Atirador esportivo é preso suspeito de agredir e ameaçar companheira após discussão política na Bahia

180

- Publicidade -

Um homem, que possui licença de atirador esportivo, foi preso na noite de domingo (30), suspeito de agredir e ameaçar a companheira, em Capim Grosso, cidade a 277 km de Salvador. Segundo a Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA), a agressão aconteceu após uma discussão política.

De acordo com a SSP-BA, a vítima, acompanhada da sua filha de 14 anos, foi até a 91ª Companhia Independente da Polícias Militar (CIPM/Capim Grosso) e mostrou as lesões nas regiões do peito e dos braços. O teor da discussão não foi detalhado pelo órgão de segurança.

O comandante da unidade, major Samuel Sampaio, informou que o suspeito estava embriagado no momento das agressões e que na casa da vítima foram encontrados uma pistola calibre 380, um revólver calibre 357 e duas carabinas.

O suspeito e as armas foram apresentados na Delegacia Territorial (DT) de Capim Grosso. A SSP-PA detalhou que os armamentos não foram usados no momento da ameaça, mas foram apreendidos por precauções.

Nesta segunda-feira (31), o suspeito continua à disposição da Justiça.

G1 BA