Após onda de assaltos, Polícia Civil faz operação contra roubos em bares e restaurantes de Salvador.

311

- Publicidade -

Após uma onda de assaltos em estabelecimentos comerciais em Salvador nos últimos meses, a Polícia Civil montou uma grande operação para identificar e prender envolvidos com furtos e roubos praticados em locais tradicionais da boemia soteropolitana.

A ação deste domingo (22) foi realizada em bairros de classe média e alta da cidade, como Pituba, Costa Azul, Itaigara e Rio Vermelho, mas segundo a Polícia Civil, tem ocorrido desde o final de abril.

Chamada de “Noite Segura”, a operação conta com policiais de diversos departamentos operacionais com a realização de abordagens em importantes corredores que dão acesso aos bairros com concentração de bares, lanchonetes e restaurantes.

Polícia Civil realiza ação integrada contra roubos em estabelecimentos comerciais — Foto: Polícia Civil

Neste final de semana, as ações foram realizadas em pontos com índices de ocorrências de crimes contra o patrimônio a partir de análises do setor de inteligência. As abordagens foram realizadas em veículos particulares, transportes por aplicativo e motocicletas de entregas, além de busca pessoal.

O diretor do Departamento de Repressão e Combate ao Crime Organizado (Draco), delegado José Bezerra Júnior, destacou a possível relação dos autores dos roubos com o tráfico de drogas.

Polícia Civil realiza ação integrada contra roubos em estabelecimentos comerciais — Foto: Polícia Civil

“Os levantamentos em campo contribuem para a coleta de dados, que irão subsidiar a identificação da existência de grupos voltados para essa prática criminosa, como também alinhados ao tráfico”, detalhou.

Além do Draco, participam das ações equipes dos Departamentos de Inteligência Policial (DIP), de Polícia Metropolitana (DEPOM) e da Assessoria Executiva de Operações de Polícia Judiciária (AEXPJ).

Onda de assaltos

 

Durante os meses de abril e maio, diversas ocorrências contra bares, restaurantes e lanchonetes foram realizadas na capital baiana, com registros de violência dos suspeitos contra funcionários e clientes.

No dia 29 de abril, três restaurantes foram roubados em menos de cinco minutos durante um arrastão, na rua Alexandre Herculano, na Pituba, quando três suspeitos participaram da ação armados com facas.

Cinco dias antes, também na Pituba, uma hambugueria e uma loja de açaí foram assaltadas. Os crimes ocorreram em ruas próximas e, em um dos casos, a ação dos suspeitos foi flagrada por câmeras de segurança do estabelecimento. Até este momento, já haviam sido confirmadas, ao menos, quatro ocorrências em maio até aquele período, entre assaltos e furtos.

No dia 11 de maio, uma equipe de reportagem da TV Bahia flagrou o momento em que um casal teve o carro roubado por dois homens, durante um assalto também no bairro da Pituba, área nobre de Salvador. Uma das vítimas era militar e estava fardada no momento do crime.

Dois dias depois, dois suspeitos de participação no roubo do veículo foram presos em Feira de Santana, cidade a cerca de 100 km de Salvador.

G1 BA