Secretaria de Meio Ambiente e ACE promovem encontro visando juntar esforços pela destinação correta dos resíduos sólidos de Mucuri

207

- Publicidade -

Com o objetivo de ampliar a preservação ambiental no município, a Prefeitura de Mucuri, por meio da SEMAM – Secretaria Municipal de Meio Ambiente, realizou um encontro com comerciantes para discutir a temática da consciência ambiental. Participaram do encontro a diretoria da Associação Comercial e Empresarial de Mucuri, representantes de pousadas e hotéis, cuja pauta foi a necessidade do CAC – Cadastro Ambiental Comercial, laudo de AVCB – Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros Militares e o PGRS – Plano de Gerenciamento de Resíduos Sólidos.

O encontro, que contou com a participação de educadores ambientais, teve como objetivo orientar os comerciantes acerca da aquisição dos laudos necessários, da coleta seletiva, logística reversa e conservação ecossistêmica. “Nosso propósito é orientar os comerciantes e moradores sobre a importância de separar os resíduos corretamente e manter a cidade limpa e organizada para todos”, afirma o secretário Municipal de Meio Ambiente, o jornalista e gestor ambiental Ronildo Brito.

O secretário Ronildo Brito explicou que o PGRS – Plano de Gerenciamento de Resíduos Sólidos, é um documento técnico necessário e obrigatório para o comerciante ou empresário, pois ele define diretrizes de gerenciamento ambientalmente adequado de todos os resíduos que são gerados no estabelecimento comercial, industrial ou hoteleiro, determinando estratégias de controle e monitoramento dos processos produtivos, visando evitar destinações inadequadas e indica as formas ambientalmente corretas para o manejo, nas etapas de geração, acondicionamento, transporte, transbordo, tratamento, reciclagem e descarte.

A presidente da ACE – Associação Comercial e Empresarial de Mucuri, Ruth Ardasse da Costa Souza, disse que a reunião da Secretaria de Meio Ambiente serviu para criar pontes com os comerciantes para o desenvolvimento do projeto, que trouxe como pauta principal, a educação ambiental na cidade como forma de solucionar o problema dos resíduos descartados em locais inadequados. “Este é o momento em que nós vamos virar a história dos resíduos sólidos em Mucuri e temos que nos dar as mãos. Não vamos fazer isso sozinhos, é claro. Mas não adianta a gente falar em futuro, em tecnologia, se a gente não conseguir cuidar de maneira adequada do nosso lixo. Nós, da ACE, estamos totalmente à disposição para trabalhar junto ao nosso empresariado, ao nosso associado, para que esse programa do município tenha o devido sucesso em Mucuri”, destacou a presidente Ruth Ardasse.